INSTITUCIONAL CUFA BRASIL

Loading...

quarta-feira, 2 de maio de 2012

Alunos de Fotografia da CUFA emocionam

Alunos de fotografia do Projeto Circuito Papo Reto emocionam auditório lotado no Unilasalle em Canoas.


A CUFA RS realizou nessa última quinta feira, junto ao Encontro Preparatório: V Fórum de Prevenção à Violência Escolar, a formatura dos alunos de fotografia do Projeto Circuito Papo Reto Canoas no Salão de Atos da UniLasalle encerrando a etapa que iniciou em 2011.
As oficinas de fotografia que foram realizadas durante os meses de janeiro à abril, superou o número inicial de 100 vagas, alcançando mais de 120 alunos nas Escolas Nancy Pansera, Thiago Wurth e David Canabarro.

"Percebemos que através das dinâmicas e técnicas de fotografia, foi possível resgatar a auto estima e possibilitar que os jovens possam renovar sua perspectiva de um futuro diferente"
, falam emocionados os professores de fotografia Ivanete Pereira e Paulo Daniel Santos.

A iniciativa integrou o projeto que foi uma iniciativa desenvolvida pela CUFA RS em parceria com a Prefeitura de Canoas através das Secretarias de Educação e Segurança Pública e Cidadania e utilizou a ferramenta literária "O Escudeiro da Luz em Os Zumbis da Pedra" como pilar de prevenção a violência escolar no município.
Para Manoel Soares, coordenador da CUFA RS, o interesse reflete o pioneirismo do município na abordagem da violência escolar. 

"Nenhuma cidade brasileira criou uma política de prevenção ao crack nas escolas como nós fizemos. Os jovens de Canoas conseguiram produzir e reproduzir conscientização, coisa que cidades como Porto Alegre e São Paulo querem fazer agora com o nosso modelo",declarou Manoel.

Durante a noite, centenas de alunos também pode conferir as palestras de Marta Rufatto, secretária de Educação, Eduardo Pazinato, secretário de Segurança Pública, e da advogada do projeto OAB Vai à Escola, Elisabeth Castilho.


A FORMATURA e A EXPOSIÇÃO
Daniel Santos (Professor de Fotografia) e os alunos Escola Thiago (Joice Duarte Carvalho), Escola Nancy (Alexander Soares) e Escola David (Ana Caroline Soares Martins)na hora do juramento.
"A partir de hoje juro passar adiante o que aprendi e guardar no coração o que senti. E usar a minha fotografia para fazer o mundo mais feliz". Foram as palavras que Joice Duarte, Alexander Soares e Ana Caroline Soares pronunciaram e junto com todos os alunos presentes, emocionaram todos no auditório.
Os alunos representaram suas escolas também no recebimento dos certificados. Confirma as fotos:

Marta Rufatto, Secretaria Municipal de Educação de Canoas e Ana Caroline Soares, Escola David Canabarro.
Eduardo Pazinatto, Secretário Municipal de Segurança Pública e Cidadania e Joice Duarte, Escola Thiago Wurth.

Ivanete Pereira, Coordenadora Institucional da CUFA RS e Alexander Soares, Escola Nancy Pansera.
De camisetas branca da CUFA RS os alunos convidados para compor o audiovisual da instituição: Giovanna Moreira Rodrigues - Escola Nancy Pansera, Paola Malta da Silva - Escola Nancy Pansera, Alexander Soares - Escola Nancy Pansera, Fabiana Valasco - Escola Thiago Wurth, Huelling Assuna - Escola Thiago Wurth, Patricia Olsever Dias Otto - Escola Thiago Wurth
Emerson Nunes Papa – Escola David Canabarro, Thais Pereira dos Santos – Escola David Canabarro, Fabiano Serafin dos Passos – Escola David Canabarro.

                                           

 Saguão lotado com os alunos e familiares durante a apresentação da exposição.

De janeiro à abril, a CUFA utilizou dinâmicas e estimulou debates entre os jovens, com objetivo de formar novos atores sociais, cientes no seu papel diante à sociedade. E foi na produção do conteúdo fotográfico, que foi possível observar esse olhar crítico sobre sua comunidade. A exposição foi apresentada no saguão do Salão de Atos, durante a formatura.
 Alunos no momento da entrega dos certificados.


PROJETO CIRCUITO PAPO RETO CANOAS
Alcance do projeto

Manoel Soares, em palestras nas 13 escolas municipais de Canoas, em 2011.


 · 13 escolas;
· 4.500 alunos de séries finais de ensino fundamental, alcançados através de palestras e oficinas de fotografia;
• 210 unidades da ferramenta literária O ESCUDEIRO DA LUZ em OS ZUMBIS DA PEDRA, para compor as bibliotecas das 42 Escolas Municipais;
· Seminário de Formação para 70 de Professores e 30 Guardas Municipais, com o intuito de informar sobre o Projeto para mobilizar e formar multiplicadores;
· Entrega de Participação no IV Fórum de Prevenção a Violência Escolar, com participação estimada de 100 integrantes da comunidade escolar e guardas municipais.

Parceiros
· SME- Secretaria Municipal da Educação
- Canoas Jovem, DEF e as EMEFs;
· SMSPC- Secretaria Municipal de Segurança Pública e Cidadania
· Central Única das Favelas




sábado, 28 de abril de 2012

Encontro debate violência escolar

Encontro debate violência escolar e traz formatura de fotógrafos mirins


"A partir de hoje juro passar adiante o que aprendi e guardar no coração o que senti. E usar a minha fotografia para fazer o mundo mais feliz". O juramento de Joice Duarte, Alexander Soares e Ana Caroline, três dos 121 formandos da oficina de fotografia da Central Única das Favelas, realizada nas escolas municipais de Canoas em parceria com a Prefeitura, resumiram a pauta do Encontro Preparatório para o V Fórum de Prevenção à Violência Escolar, que ocorreu na noite desta quinta-feira, 26, no Salão Nobre da Unilasalle.

Com palestras de Marta Rufatto, secretária de Educação, Eduardo Pazinato, secretário de Segurança Pública, e da advogada do projeto OAB Vai à Escola, Elisabeth Castilho, o evento foi agraciado pela presença maciça da comunidade escolar e dos alunos da Educação de Jovens e Adultos (EJA).

Para Manoel Soares, coordenador da CUFA RS, o interesse reflete o pioneirismo do município na abordagem da violência escolar. 

"Nenhuma cidade brasileira criou uma política de prevenção ao crack nas escolas como nós fizemos. Os jovens de Canoas conseguiram produzir e reproduzir conscientização, coisa que cidades como Porto Alegre e São Paulo querem fazer agora com o nosso modelo", declarou Manoel.


Tecnologia e conscientização


Marta ressaltou a importância do envolvimento da comunidade e, em especial, dos estudantes, público-alvo das políticas conjuntas de prevenção à violência. "Agradecemos a todos os pais, professores e diretores da rede municipal por participar dessa construção coletiva. Mas os verdadeiros protagonistas deste encontro são vocês, alunos das nossas escolas", afirmou a secretária.



Pazinato aproveitou a oportunidade para apresentar as ações trabalhadas pela Guarda Municipal e os resultados decorrentes da abordagem diferenciada. Com 56 câmeras de vídeo auxiliando no monitoramento das escolas, registro online das ocorrências e 62 dos 132 guardas municipais destacados para participar da ronda escolar, Canoas registrou, em 2011, 470 casos relacionados à violência escolar. Para o secretário, a união entre tecnologia e consciência transformou a relação entre alunos, pais e comunidade escolar.



O V Fórum de Prevenção à Violência Escolar vai aprofundar o debate em torno da segurança nas instituições municipais de ensino e dar voz à comunidade para avaliar as medidas atuais e sugerir novas políticas de prevenção e enfrentamento. O evento acontece na Semana de Canoas, em meio às comemorações do 73º aniersário da cidade.



CUFA Canoas